sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Pão-doce Natalino

"Até chegar à mesa, ele passa por diversos processos que garantem a maciez e o sabor único do produto"
É possível sentir a presença do clima natalino desde meados de outubro. A iguaria, feita com fermentação natural, tem origem italiana, mas conquistou o paladar brasileiro até com versões diferenciadas como "chocotone", "sorvetone" e colomba pascal. O tradicional é recheado de frutas cristalizadas e uvas-passas e possui aroma de baunilia, porém a receita permite o uso da criatividade para provocar mudanças que agradem todos os gostos.
Mas esse delicioso e simbólico pão doce tem possui oito etapas de preparação:

  • Produção do fermento (que leva em média dois dias), primeira fermentação (seis horas), batimento (40 min.), segunda fermentação (de quatro a seis horas), ir ao forno para assar (45 min.), resfriamento (oito horas), recheio (se for trufado) e embalagem. Umidade e temperatura são controlados durante todo o processo.
( Engenheiro de alimentos Alexandre Martins)

DOCES FINOS - FESTAS

mini trufa de cappuccino R$ 1,80 mini trufa de limão R$ 1,80 brigadeiro de pérolas  R$ 2,00 Mini pães de mel R$ 1,80 brigadeiro personal...